Vigilante: saiba mais sobre esse tipo de segurança - Grupo Força Tarefa

RECEBA NOSSAS NOVIDADES

Posts recentes

Categorias

Tags

Vigilante: saiba mais sobre esse tipo de segurança

Compartilhe:

O vigilante realiza a segurança de locais e pessoas com preparo e técnicas especializadas. Saiba tudo sobre suas funções.

Em primeiro lugar, como vigilante, o profissional tem responsabilidades sobre medidas de segurança, advertindo e evitando ocorrências.

Em segundo lugar, é necessário preparo e profissionalismo para executar ações necessárias diante de cada situação.

Então, para saber mais sobre o assunto e os diferenciais da Força Tarefa, acompanhe o conteúdo!

Qual a função do vigilante?

Entre as funções do vigilante, podemos destacar:

  • Promove orientação sobre medidas de segurança do ambiente;
  • Promove assistência para a empresa ou organização;
  • Adverte indivíduos diante de situação irregular;
  • Intervê quando um problema tem risco de acontecer;
  • Realiza registro de ocorrências.

Assim, o vigilante pode prevenir e controlar delitos e outras irregularidades, zelando pela segurança e patrimônio das pessoas.

Por fim, fiscalizam pessoas e cargas e, quando necessário, se comunicam com órgãos competentes.

Créditos: giphy.com

Regularização da vigilância

Por exemplo, é proibido trabalho cooperativo de policiais, ou que o vigilante não tenha vínculo com empresa autorizada pela Polícia Federal.

Assim, a vigilância privada complementa a segurança pública, devendo ocorrer com planejamento e de acordo com a lei.

Ou seja, o Estado deve ter foco em proteger a sociedade, deixando para as empresas a segurança de clientes privados.

Além disso, o Anuário de Segurança Pública de 2020 aponta mais de 1 milhão de vigilantes formados com autorização do Ministério da Justiça, sendo metade com vínculo com empresas de vigilância.

O que é vigilância ostensiva?

Uma categoria mais específica desse serviço é a vigilância ostensiva, ou o vigilante ostensivo, que é identificado pelo uniforme, armamento ou veículo utilizado.

Acima de tudo, como função principal, o profissional deve evitar que um crime seja cometido, observar, fiscalizar e identificar situações.

Ou seja, o objetivo é sempre eliminar qualquer oportunidade de uma ocorrência.

Vigilante armado, desarmado e vigia

E você sabia que esses três termos têm diferença? Já ouviu falar neles ou tem alguma dúvida?

Por isso, assista o vídeo abaixo para uma explicação completa do nosso especialista em Gestão de Riscos e sócio do Grupo Força Tarefa, Igor Rocha.

Como é a Vigilância da Força Tarefa?

O serviço de Vigilância oferecido pelo Grupo Força Tarefa é uma de nossas grandes especialidades.

Dessa maneira, tudo é realizado com técnicas atuais, procedimentos eficientes e inteligentes. Confira!

1. Processo seletivo do vigilante

Cada profissional é escolhido somente depois de análise e processo seletivo rigoroso.

2. Acompanhamento

Para manter a qualidade nos serviços, nossos profissionais são constantemente supervisionados e orientados.

3. Atualizações do vigilante

Treinos periódicos e cursos de atualização dos conhecimentos técnicos e operacionais fazem parte da rotina da nossa equipe.

4. Treinamento tático

Em situações de emergência, nossos profissionais estão sempre preparados para agir da melhor forma possível.

Por fim, é só entrar em contato conosco: traga suas demandas e a Força Tarefa oferece o que você precisa! Solicite seu orçamento.